terça-feira, 6 de junho de 2017

SONHOS, E A PERCEPÇÃO EXTRA-SENSORIAL.



A Bíblia diz: "Em sonho ou em visão de noite, quando cai sono profundo sobre os homens, e adormecem na cama. Então abre os ouvidos dos homens e lhes sela a sua instrução." (Jó 33-15,16).


Temos várias passagens bíblicas que falam a respeito dos sonhos e de quantas revelações e livramentos foram feitos através dos sonhos. É através dos sonhos que temos uma ligação direta com nossa fonte criadora sabedoria divina e infinita que habita dentro nós. Podemos nos concentrar e orar, quando desligados do que há na terra e ligados somente ao nosso desejo, a nossa fé providencia o nosso desejo. Lembre-se da passagem de Jesus e a mulher com fluxo de sangue, ela precisava muito ser curada e acreditava profundamente se tocasse em Cristo seria liberta, mas, no meio daquele multidão achava impossível tocar Jesus, então ao ver que não conseguiria, por causa da multidão, num último esforço ela diz: se eu tocar ao menos em suas vestes, creio que serei curada. Assim partiu e quase que caindo ao chão, quase que pisoteada pela multidão, tocou na orla das vestes de Jesus, isso é, na parte perto dos pés, e no mesmo instante foi sarada, recebeu o seu milagre. Jesus então diz: Alguém me tocou, pois de mim saiu poder. Os discípulos disseram: mestre a multidão te aperta e dizes que alguém te tocou? Jesus disse que houve um toque diferente, então ela confessa que tocou no mestre, e Jesus declara: Vai em paz, a tua fé te salvou.


Reflita: dentre tantos que ali estavam, apenas uma, pela necessidade conseguiu a fé suficiente para ser liberta. Na verdade a cura da sua enfermidade veio através da fé e do pensamento positivo que estava nela, de que se apenas tocasse as vestes de Cristo seria salva, ela não atribuiu a si a capacidade de se auto curar, mas o que disse Jesus, " vá em paz, a tua fé te salvou, reforçando mais uma vez que o poder curador e transformador está dentro de nós mesmo. Assim como este exemplo existe vários outros, quando do mar agitado e Jesus pede para que Pedro vá ter com Ele no barco, o que disse Jesus quando pedro não consegue: "homem de pouco fé, por que duvidastes?".


Assim como mostram os exemplos bíblicos, acredito que somos seres de infinitos poderes, pois se somos a imagem e semelhança do Criador, existe muito mais mistérios e poder dentro de nós que possa imaginar nossa mente, somos apenas 10% da ponta do iceberg, os outros 90% estão enterrados dentro de nós, esperando para serem descobertos e nos proporcionar tudo aquilo que temos de direito e desejo.


São inúmeros os exemplos bíblicos relacionados ao poder de nossa fé, que consequentemente está ligado ao domínio da nossa mente e do nosso subconsciente. No entanto dentre tantos e tantos milhões de pessoas, poucos se dão conta do poder que temos e poucos conseguem dominar seus pensamentos e desejos. Mas, estamos aqui para aprender um pouco mais sobre os mistérios que envolvem nossa vida.

Abaixo transcrevo alguns trechos do livro de Josehy Murphy a respeito dos sonhos.

Como a Percepção Extra-Sensorial Revela Respostas em Sonhos

A Bíblia diz: Eu, o Senhor (a mente subconsciente), em visão a ele me farei conhecer, ou em sonhos falarei com ele. (Números 12-6).

Há na Bíblia numerosas referências a sonhos, visões, revelações e avisos dados a homens durante o sono. O nosso subconsciente está ativo 24 horas por dia e nunca dorme. A Bíblia diz que José foi espantosamente preciso em suas análises dos sonhos do Faraó, e que sua agudeza e sagacidade na predição do futuro pela interpretação dos sonhos lhe valeram o louvor, as honras e o reconhecimento do rei.


Os sonhos têm cativado cientistas, sábios, místicos e filósofos através das idades. Muitas respostas aos problemas mais agudos do homem têm sido dadas em sonhos. Desde os tempos bíblicos vários intérpretes e expositores em todos os países se têm empenhado na análise e interpretação dos sonhos. Freud, Jung, Adler e muitos outros psicólogos e psiquiatras eminentes têm estudado os símbolos representados nos sonhos e, interpre-tando o significado para a mente consciente do paciente, têm liberado fobias e fixações ocultas e outros complexos mentais.



Nossos sonhos são projeções do conteúdo de nosso sub¬consciente, e em muitos casos, eles respondem aos nossos problemas e nos advertem relativamente aos nossos investimentos, viagens e casamento, assim como a ciladas da vida cotidiana. O sonho é uma dramatização do nosso subconsciente e não é fatalista. Você molda, afeiçoa e cria o seu próprio futuro com seu pensamento e sentimento. Tudo o que está no seu subconsciente está sujeito a mudar, e, quando conhecemos as leis da mente, predizemos o nosso próprio futuro. Lembre-se de que o seu futuro é o seu pensar presente tornado manifesto, porque o seu subconsciente reproduz fielmente o seu pensamento habitual 24 horas por dia.


 
Além disso, um sonho repetido é muito importante, pois é a voz intuitiva do nosso subconsciente dizendo-nos: “Pare, olhe e escute”.


 
A Percepção Extra-Sensorial é Ativada no Sono
Quando caminhares, isto te guiará; quando te deitares, te guardará; quando acordares, falará contigo (Provérbios 6-22)


No sono o nosso consciente une-se criativamente ao nosso subconsciente. Muita gente boa pensa que o sono se destina apenas a repousar o corpo, mas nada repousa enquanto a gente dorme, pois o nosso subconsciente e todos os processos vitais do nosso organismo, embora retardados consideravelmente, continuam a funcionar. Durante o sono estabelece-se um processo restaurador que resulta numa sensação de bem estar que vem do fato da restauração da energia física. Outra razão por que dormimos é desenvolvermo-nos espiritualmente; por conseguinte, é de importância vital que evitemos todos os estados discordantes antes do sono. A Divindade que molda os nossos fins é onisciente e dispôs de maneira que o homem seja compelido a retirar-se do mundo do ruído, que não é condizente com o desenvolvimento espiritual.
O homem é guiado Divinamente no sono. As soluções de muitos problemas são dadas durante o estado de sono. Fórmulas, inventos, poemas, o conteúdo de muitos volumes, etc., também são dados no estado de sono. O conteúdo de muitos capítulos dos compêndios de química e dos laboratórios de engenharia do mundo apareceu em sonho, em resposta a um pedido da pessoa que sonhava.

Pontos para reflexão

1- A Bíblia está repleta de referências a sonhos, visões e revelações dadas ao homem quando profundamente adormecido.
2. Os sonhos têm sido estudados através das idades, e em quase todas as culturas têm sido empregados intérpretes e expositores de sonhos e visões noturnos.
3. Os sonhos são dramatização do nosso subconsciente e podem responder aos nossos problemas simbolicamente ou avisar-nos de uni perigo iminente. O nosso futuro está no nosso subconsciente agora, baseado nas nossas impressões, crenças e suposições subjetivas.
4. Nós moldamos, afeiçoamos e criamos o nosso próprio futuro baseados no nosso pensar e imaginar habitual. A nossa mente subconsciente, que nunca dorme, está cons-tantemente reproduzindo as nossas impressões e aprovações mentais.
5. Os símbolos são pessoais para cada indivíduo e podem ter um significado diferente quando aparecem nos sonhos de outro. A interpretação deve coincidir com o nosso sentimento íntimo. Noutras palavras, o símbolo deve fazer sentido para nós.
6. Uma mulher que procurava saber onde estava escondido o dinheiro pediu ao seu subconsciente que lhe revelasse, e o subconsciente respondeu num sonho, mostrando-lhe o lugar secreto e como abrir o receptáculo existente na parede. O subconsciente sabe tudo e vê tudo.
7. Uma moça, sentindo que havia alguma coisa errada no seu noivo, pediu ao seu subconsciente que lhe revelasse especificamente a resposta, o que ele fez sob a forma de uma montanha muito alta que se colocou entre eles num sonho. Intuitivamente a jovem compreendeu o que era a montanha (um obstáculo formidável, impossível de transpor) e perguntou ao seu prometido a respeito. Balbuciando, ele lhe respondeu francamente que ia casar com ela como uma espécie de fachada para afastar as suspeitas de seus fregueses, que eram muito religiosos e antiquados. O sonho salvou-a de um grande choque traumático. Seu noivo era homossexual.
8. Há muitos tipos de sonhos. Por exemplo, se a gente vai dormir com muita sede, pode encontrar-se no sonho ingerindo grandes quantidades de água. Os sonhos podem também dramatizar frustrações, temores, fobias, fixações e complexos de toda a espécie. Além disso, há muitos sonhos periódicos e sonhos precognitivos que revelam acontecimentos antes que tenham lugar. Muitas respostas são dadas aos problemas mais complexos em sonhos e visões noturnas .
9. Não é incomum uma pessoa visualizar o seu futuro marido ou esposa num sonho. Ocorre isto porque a pessoa esteve meditando sobre certas qualidades que desejava no futuro marido ou esposa, e logo que deposita essas qualidades no seu subconsciente, pensando nelas com interesse, ele lhe dá uma previsão do homem ou mulher encarnado pela sua idéia.
10. No sono a percepção extra-sensorial é ativada. Quando vamos dormir, nossa mente consciente une-se criativamente à nossa mente subconsciente; o último conceito consciente que estamos formulando antes de dormir é gravado no nosso subconsciente, e este determina que ocorra a resposta ou cura.
11. Muitas vezes quando pensamos na resposta antes de dormir, verificamos que toda a fórmula ou solução pode aparecer-nos em um sonho. Como você crer assim lhe será feito.
(A magia do poder extrasensorioal_Joseph Murphy)

Nenhum comentário:

Postar um comentário